Total de visualizações de página

domingo, 6 de outubro de 2013

Entre você

Para Patrícia Gondeck

Custei a abrir o seu presente -
talvez porque quisesse adiar o alumbramento
de ler um livro novinho, ainda cheirando bem
do frescor da sua escolha cuidadosa.

Decidi abri-lo hoje -
degustei as páginas todas e os poemas, cada um,
em júbilo, à sua memória, ainda antes da sua morte,
neste noviciado da nossa paixão.

O seu presente - era você própria
no traçado de cada um das linhas um contorno seu
no corpo da obra entretextos das tuas pernas
dos teus pés entrelinhas das tuas mãos
entrelaçados o meu nome e o teu
até depois da morte.  

Nenhum comentário :